Prefeitura de Maringá
Policial

Dezessete pessoas são presas durante operação policial em Maringá e região

Ação foi elaborada com base em mapeamento da região. Reúne equipes civis e militares junto com cães policiais para ações preventivas e repressivas, por meio de patrulhamento terrestre e aéreo, bloqueios de trânsito, abordagens e fiscalizações de imóveis, veículos e pessoas

A Secretaria da Segurança Pública do Paraná (Sesp) desencadeou nesta segunda-feira (30) uma operação para cumprir mandados de prisão e intensificar o policiamento ostensivo em Maringá e Região Metropolitana, no Noroeste do Estado. A Operação Cidade Segura reúne mais de 300 policiais civis e militares e se estenderá até esta terça (31), com profissionais da região e apoio de efetivo de Curitiba.

A operação foi elaborada com base em mapeamento feito pela Sesp. Toda a ação reúne equipes civis e militares junto com cães policiais, para ações preventivas e repressivas, por meio de patrulhamento terrestre e aéreo, bloqueios de trânsito, abordagens e fiscalizações de imóveis, veículos e pessoas. O objetivo é garantir mais segurança para a população.

O secretário estadual da Segurança Pública, Hudson Leôncio Teixeira, afirma que esse reforço ajudará na prevenção do crime organizado para que ele não se estabeleça na região. “O crime organizado não está e não vai se estabelecer aqui na região graças a esta operação. Tanto a parte da inteligência como a investigativa foram construídas pela Polícia Civil. Foram obtidos junto ao poder judiciário 42 mandados de busca e apreensão e de prisão. O cumprimento dos mandados começou já pela manhã”, disse ele.

“Além de mais de 300 policiais envolvidos, contamos com duas aeronaves, o helicóptero Águia da Polícia Civil e o helicóptero Falcão da Polícia Militar do Paraná. Temos algumas lideranças do crime que já foram identificadas pelas forças por conta deste trabalho da inteligência que vem sendo feito há mais de quatro meses”, informou. Segundo ele, essas pessoas estão sendo presas nesta operação, assim como há apreensão de drogas, armas e veículos.

Durante a manhã desta segunda-feira, 17 pessoas foram presas e mais de 130 kg de drogas apreendidos. Também foram encontrados R$ 13 mil reais em espécie, 10 mil cartões clonados junto com a máquina de clonar, dois aparelhos celulares, uma faca e um veículo, totalizando R$1 milhão.

“É uma ação muito importante visando a desarticulação de organizações criminosas na Região Metropolitana de Maringá. Mandados de busca e de prisão cumpridos contra homicidas, traficantes, estelionatários, assaltantes”, disse o delegado da 9ª Subdivisão da Polícia Civil em Maringá, Adão Wagner.

2ª FASE DA OPERAÇÃO – A operação segue em andamento com o objetivo cumprir dos mandados de prisão, dando continuidade no desmantelamento de organizações criminosas.

O secretário Hudson Leôncio Teixeira ressalta que essa foi a primeira fase desta operação na região. “Na segunda fase teremos ações ostensivas que serão desencadeadas pela Polícia Militar e contará com o apoio da Polícia Civil. Foi feito um mapeamento nos bairros e nos municípios vizinhos onde há maior número de ocorrências, onde as equipes concentrarão policiamento ostensivo, com abordagens, bloqueios”, explicou.

Mustang Auto Peças CARINA-PAULINHO Rita Marmita Auto Mecânica Bachega RT-TRACK

Theddy Gonçalves

O Plantão Maringá é um site fundado no final de 2017, pelo repórter cinematográfico Theddy Gonçalves que se especializou em notícias policiais.

Veja Também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar navegando em nosso site. Obrigado!